MÉTODO

ZEN

Metodologia (DOAR): A metodologia DOAR combina Diálogo, Observação, Ação e Resultado.

 

Diálogo: Conversa com RH, liderança e equipe nos fará compreender as necessidades atuais da empresa.

 

Observação: Observação exploratória através de diferentes assessments. que nos trará informações sobre o estado de saúde do colaborador; níveis de estresse da equipe e definição de objetivos pessoais e profissionais. Nessa etapa, apresentamos um relatório com o perfil geral levantados nos assessments.

 

Ação: Com todas as percepções e informações coletadas nas etapas anteriores, será direcionado e aplicado nossas terapias complementares, sendo apresentado o que será realizado durante todo o processo de trabalho. 

 

Resultado: Reaplicação dos assessments e comparação com os dados colhidos inicialmente. É gerado um relatório final com todas essas avaliações, acompanhado de uma devolutiva ao RH do estado geral de saúde de sua equipe. A participação do RH é fundamental para alinharmos o projeto às reais necessidades da empresa.

 

Gerenciando o Estresse

Utilizamos a Naturologia para levar para as empresas um Programa de Qualidade de Vida estruturado no Cuidado Integral, em que o foco está na saúde do colaborador que reflete na redução do índice de afastamento e na melhora do seu rendimento.

Segunda a Previdência Social, em 2017, fatores que levou o afastamentos de trabalhadores:

DOR NAS

COSTAS

•1º lugar com 83,8 mil casos

* nos casos crônicos, a crise pode se repetir mais de 2 x no ano.

EPISÓDIOS

DEPRESSIVOS

•10º lugar com 43,3mil casos

* em 2019 o brasil ocupa o 4º lugar no mundo com casos de depressão

TRANSTORNOS DE ANSIEDADE

•15º lugar com 28,9 mil casos

* em 2019, SP se tornou a cidade mais ansiosa do mundo.

Fonte:

http://www.previdencia.gov.br/2018/03/saude-do-trabalhador-dor-nas-costas-foi-doenca-que-mais-afastou-trabalhadores-em-2017/

Absenteísmo por distúrbios musculoesqueléticos em trabalhadores do Brasil: milhares de dias de trabalho perdidos. Revista Brasileira de Epidemiologia, São Paulo, v. 21, 2018.

https://super.abril.com.br/especiais/a-epidemia-da-ansiedade/

https://super.abril.com.br/especiais/o-enigma-dos-antidepressivos/

ENVIE UM

E-MAIL

SOLICITE

UMA LIGAÇÃO

RECEBA

NOVIDADES

TRABALHE

CONOSCO

desenvolvido por dmais1